segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Bom Sucesso/PB: motociclista tem perna amputada





O jovem Caruchesma Germano da Silva Paz de 36 anos, residente a rua Raimundo Gonçalves na cidade de Bom Sucesso PB no Sertão da Paraíba, teve a sua perna direita amputada, por volta das 16 horas, por causa do acidente grave que sofreu na manhã do último sábado (03) na PB 323, no sitio Cachoeira no Município de Bom Sucesso. Os familiares informaram a nossa reportagem, que ele ainda se encontra na sala de cirurgia no Hospital Regional de Patos; mas devido o ferimento ser grave e o quadro clinico do paciente ter se agravado, a perna do rapaz teve de ser amputada.

Virou rotina na PB 323, aconteceu outro acidente grave também na manhã de sábado (03) as 10:30 horas; o referido acidente ocorreu nas imediações da subida perto das pedreiras de Heronildes no sitio Cachoeira no município de Bom Sucesso interior da Paraíba.

Segundo informações de populares que se encontravam no local após o acidente; relataram que o caminhão vinha de Alexandria RN sentido Bom Sucesso PB, e a moto no sentido oposto. O caminhão invadiu a contramão e colidiu lateralmente na moto Conduzida por Carochesma Paz, o caminhoneiro alegou , que caiu um caixote na pista e por este motivo aconteceu o acidente. Vale salientar que o motorista do caminhão prestou socorro a vitima, antes da chegada do SAMU, inclusive segundo informações, estava muito preocupado; e só saiu do local quando a vitima já estava dentro da ambulância do SAMU.


A vítima teve escoriações pelo corpo, uma luxação no braço e fratura exposta na perna direita, e o estado do paciente é considerado grave pois o mesmo estava perdendo muito sangue pelo ferimento da fratura, foi socorrido pelo SAMU de Bom Sucesso PB, que fez o transporte até o Hospital Regional de Catolé do Rocha, e como o estado do paciente requer muito cuidado e por ser grave foi transferido imediatamente para o Hospital de Patos PB, e segundo informações repassadas a nossa reportagem pela familia, que o rapaz teve a sua perna amputada.


Fonte: Nosso Paraná