quinta-feira, 22 de outubro de 2015

Estudantes universitários de Água Nova reclamam da falta de transporte para faculdade



Dezenas de alunos do município de Água Nova reclamam a falta de transporte escolar. A três dias a falta de ônibus vem frustando os universitários.

Na primeira vez, a justificativa era que o ônibus estaria apresentando problemas mecânicos. Na sexta-feira (16), o motorista teria informado aos alunos de que a orientação era de não ir quando houvesse poucos estudantes, o fato casou revolta nos universitários, que usaram as redes sociais para criticar a gestão, hoje comandada por Rafaela Carvalho (PMDB). Já na noite de segunda-feira (19), a alegação foi a falta de motorista. 

Vale salientar que o Plano Municipal de Educação, a Lei nº 201/2015, votado pela câmara de vereadores e sancionado pelo executivo, em 2015, assegura, em suas metas, o transporte escolar para estudantes de instituições públicas e privadas.

O plano é um documento que define metas educacionais para o município por um período de 10 anos. Trata-se de uma exigência prevista na Lei Federal nº 10.172, de 9 de janeiro de 2001, que instituiu o Plano Nacional de Educação (PNE).

Cópia do Plano Municipal de Educação

Os universitários vinham sendo transportados em um ônibus adquirido com recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), conhecidos como ‘amarelinhos’. 

Diante de tantas justificativas, os universitários ficaram sem saber o real motivo da falta do transporte. O Portal Água Nova News tentou sem sucesso o contato com a Secretaria de Educação de Água Nova.


Água Nova News