domingo, 3 de janeiro de 2016

Afinal, quais serão os candidatos da oposição em Rafael Fernandes?



A política em Rafael Fernandes segue quente em seus bastidores . Pelo que o blog tem apurado, pela terceira vez consecutiva, o pleito poderá ser disputado entre três candidatos na terra de Santa Luzia.
Até o momento, só existe um nome certo e ele é apoiado pelo atual Prefeito, Nicodemo Júnior e todo o seu grupo, que é o do advogado Dr. Bruno Anastácio. Pela oposição, poderão ter outros dois candidatos, desta forma, dividindo o grupo mais uma vez.
Ocorre que tal “racha” é consequência de vários desentendimentos entre os integrantes da própria oposição. E tudo teve seu ápice no último dia 13 de Dezembro, quando um dos pré-candidatos de oposição, o atual vereador, Nicolas Carneiro, que era apoiado pelo empresário, Antônio Filho e supostamente apoiado pelo ex-prefeito Mario Oliveira, teria reunido seus aliados para comunicar a desistência da candidatura.
Tal atitude teria sido motivada justamente pela falta de apoio efetivo do ex-prefeito Mario Oliveira à candidatura de Nicolas Carneiro, que estaria trabalhando nos bastidores em favor de outro candidato.
Todavia, alguns dias depois, após muitas reuniões a portas fechadas e supostas promessas de apoio por parte de Mario Oliveira, lançou-se um novo candidato pelo grupo oposicionista, que seria o próprio Antônio Carneiro Filho.
Mas o blog questiona: Antônio Carneiro Filho pode ser candidato? É importante lembrar que Antônio Carneiro Filho já havia indicado Nícolas  anteriormente devido a suspensão de seus Direitos Políticos pelo período de 04 anos.
Essa suspensão foi ocasionada em virtude de Sentença Condenatória Transitada em Julgado da Ação Civil Pública de Improbidade Administrativa sob n. 0011037-53.2009.4.05.8400 que tramitou na 4º Vara Federal do Rio Grande do Norte, que inclusive foi noticiada por este blog no ano passado http://blogdojp.com.br/?p=10394.
Alguns aliados do suposto pré-candidato Antônio Filho, lançaram nas redes sociais uma suposta “prova” de que o empresário não possui qualquer impedimento de disputar o pleito, qual seja, uma Certidão de Crimes Eleitorais, na qual atesta que não há qualquer registro de condenação por crime eleitoral em desfavor de Antônio Filho.
Entretanto, faltou explicar que a condenação que suspendeu os direitos políticos do empresário Antônio Carneiro Filho por 04 anos, não é oriunda de um processo criminal eleitoral, afinal, crimes eleitorais são aqueles que se cometem tão somente no período eleitoral.
O fato é que o referido empresário foi condenado numa Ação Civil de Improbidade Administrativa, na qual a Excelentíssima Juíza da 4º Vara Federal considerou-o culpado por fracionar despesas em beneficio próprio na Prefeitura de Tangará/RN, e cometer assim atos ímprobos junto com o Prefeito daquele município à época dos fatos.

A suspensão dos direitos políticos do Sr. Antônio Filho teve inicio no dia 24 de Setembro de 2014, e, portanto, deverá perdurar até o dia 24 de Setembro de 2018, motivo pelo qual ele não poderá votar e muito menos ser votado no pleito municipal de 2016. No próprio site do TRE/RN, consultando a situação eleitoral do referido pré-candidato podemos constatar que a situação da inscrição eleitoral do mesmo encontra-se suspensa. Há explicação para isto?

Além das idas e vindas entre o nome de Nícolas e Antônio, tem o nome do Dr. Biel. Jovem que também busca sua vaga pela oposição. Viabilizando o seu nome, será mais uma para dividir os votos em Rafael Fernandes.
Tantos nomes, incertezas e informações duvidosas só tende a beneficiar o Prefeito, Nicó Júnior e o seu grupo político. Vamos aguardar…


Blog do JP.