quinta-feira, 6 de outubro de 2016

Governo define calendário para quem ganha até R$ 4 mil




Os servidores ativos e inativos, e os pensionistas do Estado com salários até R$ 2 mil receberão nesta próxima sexta-feira (7); no sábado, dia 8, será a vez dos que estão na faixa até R$ 3 mil. A informação foi confirmada pela secretária-chefe do Gabinete Civil Tatiana Mendes Cunha, que adiantou em primeira mão à reportagem da TRIBUNA DO NORTE o pagamento de quem ganha até R$ 4 mil na próxima terça (11). Ainda de acordo com a secretária, o Governo do RN divulga hoje um calendário parcial de pagamento dos salários acima desses valores. “A Secretaria de Planejamento está fazendo uma série de projeções para definir o calendário completo”, disse a secretária-chefe.
Somados aos servidores da Educação e de órgãos com arrecadação própria como Detran, Caern, Ipem, Potigás, Idema, Jucern entre outros, que já receberam, o Governo calcula que 82% será paga até a véspera do feriado. O protesto que estava previsto para esta quinta (6), organizado pelo Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público da Administração Direta do RN – SINSP-RN, foi cancelado.
Porém, a paralisação e o ato público marcado para o próximo dia 21 está mantido. “Já sentamos com o Governo para discutir a questão das receitas, agora, nas próximas reuniões, o Sindicato quer discutir as despesas para saber onde a folha está mais inchada”, avisou Janeayre Souto, presidente da entidade sindical.
A sindicalista considera uma vitória a inclusão dos servidores inativos e pensionistas na folha de pagamento dos ativos – mês passado, o pagamento dos pensionistas só foi finalizado no dia 27. “Todos precisam ser tratados da mesma forma, e receber juntos na mesma data”, declarou Janeayre, na tarde de ontem, durante assembleia com servidores na sede do Sinpol-RN (Sindicato dos Policiais Civis e Servidores da Segurança Pública).
Atualmente, a folha líquida de pessoal do Estado bate na casa dos R$ 424,75 milhões, que acrescida da contribuição previdenciária, em torno de R$ 54,8 milhões, totaliza R$ 479,6 milhões.
Janeayre Souto, presidente do SINSP-RN, se reuniu na manhã desta quarta (5) com Tatiana Mendes Cunha, do Gabinete Civil, para tratar do tema e teve acesso ao Relatório de Gestão Fiscal: pela primeira vez no ano, os gastos do Estado com pessoal ficou abaixo do limite máximo de responsabilidade fiscal fixado em 49% – os números do segundo quadrimestre de 2016 baixaram para 48,39%, quase dois pontos a menos que os 50,28% registrados nos primeiros quatro meses deste ano. “Agora queremos discutir com o Governo as despesas”, reforçou a sindicalista. O limite prudencial é de 46,55%.
Se de um lado o Governo ficou abaixo do limite máximo, por outro contabiliza queda na arrecadação: Tatiana disse que a Secretaria de Estado do Planejamento e das Finanças (Seplan) consolidou os números da arrecadação do mês de setembro que apontam redução de R$ 84 milhões em relação ao arrecadado em agosto.

Blog do JP,
Imagem:  (Robinson Faria Governador do RN, pesquisa Google).