segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Chuvas animam produtores rurais do RN, e açude de Gangorra começa a receber volume de água em Rafael Fernandes

Riacho transborda após chuva na comunidade Varzinha, zona rural de Rafael Fernandes,
  Foto: Douglas Diógenes.


Bastou as chuvas começarem a abastecer alguns reservatórios de água do Rio Grande do Norte para o sertanejo se encher de esperança. 

Embora grandes reservatórios e barragens ainda não tenham recebido água suficiente para sair do volume morto, o líquido que chega nas pequenas comunidades rurais já muda o cenário, após seis longos anos de seca.

Açude Santana (Gangorra), começa a receber volume de água - Foto: Reprodução.


Em Rafael Fernandes, choveu cerca de 100 mm somente neste final de semana, quando o pluviômetro do Portal registrou; 25 mm no sábado e 76 mm na madrugada deste domingo (25). 

Com isso alguns riachos transbordaram como foi o caso na comunidade Varzinha, distante cerca de 1,5 km do Centro da cidade. Por lá um riacho teve a sua primeira cheia neste ano de 2018. Além disso recebemos a confirmação de que o principal reservatório do município o Açude Gangorra (foto acima), começou a receber um pequeno volume de água ainda neste domingo após às chuvas do final de semana. O açude que tem capacidade para 7 milhões de metros cúbicos, encontra-se seco desde o ano de 2014, de lá pra cá apenas vinha acumulando pequenas quantidades de água durante o período do inverno, mas secava novamente sempre após os meses de agosto e setembro quando começa o período da estiagem.

Redação