sexta-feira, 27 de abril de 2018

PRF reforça fiscalização nas rodovias federais durante feriado prolongado no RN

PRF vai reforçar efetivo durante Operação Dia do Trabalhador, que começa nesta sexta-feira (27) e vai até terça-feira, 1º de maio (Foto: Divulgação/PRF)



Polícia Rodoviária Federal (PRF) dá início, na madrugada desta sexta-feira (27), à Operação Dia do Trabalhador, que tem o objetivo de intensificar o policiamento nas rodovias federais que cortam o Rio Grande do Norte, neste próximo feriado prolongado.

No estado, a PRF vai focar nas fiscalizações de excesso de velocidade, embriaguez ao volante e ultrapassagens irregulares. A operação vai da meia noite desta sexta-feira até às 23h59 da terça-feira, dia 1º de maio, quando é comemorado o Dia do Trabalhador.

Durante os cinco dias, policiais rodoviários federais reforçarão a fiscalização nos trechos com maiores índices de acidentes e crimes, locais escolhidos de acordo com estatísticas do órgão.

Segundo a PRF, a operação contará com ações de educação para o trânsito com objetivo de reduzir o número de acidentes, além de promover segurança e fluidez do trânsito aos usuários das rodovias federais. Também serão realizadas ações operacionais direcionadas para o combate à criminalidade.

Ainda durante a operação, o órgão federal informa que haverá restrição de tráfego de grandes veículos, como como bitrens e cegonheiras. Nesta sexta-feira, a restrição será das 16h às 22h, mesmo horário na terça-feira. A regulação ocorre nas pistas simples, aquelas que têm apenas uma faixa em cada sentido.

Reforço no efetivo

Para oferecer maior segurança nas rodovias federais no Rio Grande do Norte, a PRF contará com um acréscimo de 30% em seu efetivo, com a composição de equipes extras, além de radares e bafômetros.

Durante os cinco dias de operação, a PRF também intensificará a fiscalização a motocicletas, com foco nas infrações que potencializam a ocorrência de acidentes e sua gravidade, como o não uso do capacete, equipamentos obrigatórios, sistema de iluminação e habilitação.



G1 RN