quarta-feira, 20 de novembro de 2019

PRF registra duas mortes em rodovias do RN durante feriado da Proclamação da República


Balanço da PRF registrou duas mortes em rodovias do RN durante feriado da Proclamação da República - Foto: PRF/Divulgação

Duas pessoas morreram e 26 ficaram feridas em rodovias do Rio Grande do Norte durante o feriadão da Proclamação da República, segundo balanço da Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgado nesta segunda-feira (18). Foram autuados 46 motoristas e seis foram presos por embriaguez ao volante. Ao total, 26 acidentes foram contabilizados nas rodovias federais do Rio Grande do Norte; seis deles considerados graves.

No mesmo período de 2018 foram 25 acidentes, sendo nove graves, com 29 pessoas feridas e uma morte. De acordo com o balanço da PRF, durante a operação, que durou de quinta-feira (14) a domingo (17), 1.816 condutores realizaram o teste do bafômetro. Média de 454 testes por dia.

Segundo o levantamento da Polícia Rodoviária Federal, 94 motoristas foram autuados por ultrapassagens proibidas; 21 motoristas e 59 passageiros sem cinto de segurança e 72 motociclistas foram multados por não usarem capacete.

Ainda de acordo com a PRF, 4.895 pessoas e 4.377 veículos foram fiscalizados, sendo 1.453 notificados por infrações diversas. Além das fiscalizações de trânsito, 25 pessoas foram detidas pela prática de outros crimes, como crimes de trânsito, porte ilegal de arma, porte e tráfico de drogas, roubo de veículo e por ser fugitivo do sistema prisional. 

G1 RN

Estudantes de Mossoró desenvolvem canudo biodegradável e comestível e ganham medalha de ouro nas Olimpíadas do Futuro

Estudantes de Mossoró receberam prêmio no último sábado (16), em São Paulo - Foto: Divulgação/Sapientia Olimpíada do Futuro



Cinco estudantes de Mossoró, no Oeste potiguar, foram os vencedores das Olimpíadas do Futuro, que foca em iniciativas ligadas a problemas enfrentados no século XXI. Eles desenvolveram um canudo comestível e biodegradável à base de mandioca e cera de carnaúba. A premiação aconteceu no último sábado (16), em São Paulo, SP.

Desenvolvido pelo grupo Biotinga, formado por cinco alunos do ensino médio de uma escola da cidade, o canudo biodegradável demorou cerca de dois meses até chegar na forma final, que conta com mandioca e cera de carnaúba como principais ingredientes, matérias-primas nativas e abundantes na região Nordeste.
Comestível, o produto pode ter vários sabores, que são definidos na hora de fazer a massa. Os canudos podem ser de chocolate, uva, chiclete, menta, maracujá, baunilha e neutro, que não tem sabor. O processo de fabricação dura até seis horas. De acordo com o grupo, foram dois meses pesquisando, procurando ideias e fazendo testes até chegar ao produto final.

A estudante Ana Beatriz Oliveira, que participou do projeto, disse que o grupo inteiro ficou muito emocionado na hora do anúncio. "A gente se sentiu muito feliz ao ver nosso trabalho reconhecido. Não só pelo primeiro lugar, mas pelas respostas que nos deram sobre o projeto", lembrou.
A estudante apontou que o próximo passo é melhorar o processo de fabricação, para aumentar o volume e diminuir o tempo. "Assim vamos conseguir difundir a ideia [do canudo comestível]", projetou.

Segundo João Victor Andrade, um dos participantes do projeto, a equipe recebeu vários contatos nas redes sociais com pessoas interessadas no produto. "A gente sempre fala 'calma, que a estamos disponibilizando para venda'. Quem sabe para o Brasil inteiro", disse.

De acordo com a estudante Hellen Medeiros, que também participou do projeto, agora a próxima etapa é produzir os canudos em maior quantidade. "A gente tá tentando ver a logística do local para fazer os canudos, comprar materiais para produzir e colocar a ideia para frente", adiantou.

Segundo lugar também é do RN

A equipe que ficou em segundo lugar nas competições também é de Mossoró. O grupo Melíponas da Mata-Branca desenvolveu um projeto para conscientizar a população da preservação da Melipona subnitida, uma espécie de abelha sem ferrão, encontrada no Nordeste brasileiro.

O projeto também contempla a construção de hortas consorciadas com colmeias nas escolas participantes, onde os alunos e a comunidade poderão aprender sobre a Jandaíra e as características terapêuticas de seu mel.

Virgilio Luna, líder do grupo responsável pelo projeto, disse que o projeto já recebeu apoio de uma ONG e de meliponicultores - criadores de abelhas sem ferrão - de Mossoró e da Associação de Meliponicultores Potiguar (Amep). Os estudantes entraram em contato com a prefeitura de Portalegre, no interior do Rio Grande do Norte, para aplicar o projeto em seis escolas do município.

A competição

A Olimpíada foi composta por duas fases online com questões de múltipla escolha e prova discursiva baseadas nos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU. As provas também conectaram as disciplinas curriculares com habilidades e competências atuais e ligadas ao século XXI, como Economia, Sustentabilidade, Direito, Linguística, e a vertente STEAM, sigla em inglês para Ciência, Tecnologia, Engenharia, Artes e Matemática.

Foram mais de 3 mil inscritos. Na terceira fase, os 21 líderes das equipes tiveram acesso a um programa de mentoria com equipe multidisciplinar para aprimorar os projetos.



G1 RN

Governo do RN anuncia datas de pagamento dos salários do mês de dezembro

Governador do RN em exercício, Antenor Roberto (PCdoB), anunciou datas de pagamento durante reunião com o Fórum de Servidores Públicos - Foto: Assecom/GAC



O governo do Rio Grande do Norte afirma que vai pagar no dia 14 de dezembro o salário integral para quem ganha até R$ 4 mil e para os servidores dos órgãos da Segurança Pública, além de 30% do salário de quem recebe acima essa faixa salarial. No dia 30, será feito o pagamento do restante de quem ganha mais de R$ 4 mil e o salário integral dos servidores dos órgãos com arrecadação própria. O anúncio foi feito nesta terça-feira (19).

O Poder Executivo disse também que espera pagar o décimo terceiro salário de 2019 junto com os vencimentos de dezembro, nos dias 14 e 30 No entanto, a definição depende da data em que será feito o repasse do recurso da cessão onerosa do pré-sal por parte do Governo Federal.

A informação foi repassada na reunião do Fórum dos Servidores Públicos Estaduais com o governador em exercício, Antenor Roberto (PCdoB), o secretário-chefe do Gabinete Civil, Raimundo Alves, e equipe econômica do Governo.



G1 RN

terça-feira, 19 de novembro de 2019

MP apura venda ilegal de túmulos em cemitérios públicos de Mossoró

Policiais Militares durante operação que apura venda ilegal de túmulos em cemitérios públicos de Mossoró nesta terça-feira (19) - Foto: Divulgação/MPRN



O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) deflagrou, na manhã desta terça-feira (19), uma operação com o objetivo de apurar um esquema fraudulento de cobranças e recebimentos de valores indevidos relacionados túmulos nos cemitérios públicos Novo Tempo e São Sebastião, localizados em Mossoró, no Oeste potiguar. A operação cumpre mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão.

Batizada de Operação Luctus, a ação é resultado de uma investigação realizada pela 11ª Promotoria de Justiça de Mossoró e pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco) para apurar os crimes de concussão e corrupção passiva, violação de sepultura e vilipêndio de cadáver, cometidos por uma organização criminosa que atua na cidade.
Segundo o Ministério Público, funcionários públicos são integrantes da organização criminosa, incluindo diretores dos cemitérios Novo Tempo e São Sebastião como ocupantes de elevada posição no esquema.

Participaram da operação 11 promotores de Justiça; 14 servidores do MPRN e 12 equipes policiais. O nome da operação refere-se ao termo luto, em latim.

Em nota, a Prefeitura de Mossoró informa que repassou todos os documentos solicitados pelo Ministério Público nas primeiras horas da manhã de hoje e que vai colaborar com a investigação. A ação de busca e apreensão também foi realizada nas residências dos administradores dos cemitérios.

Ambos são efetivos e ocupam a função há cerca de 20 anos. O município esclareceu que cada cemitério possui a própria gestão, com livros e informações específicos, como certidão de óbito, entre outros dados, que são de responsabilidade dos administradores.

G1 RN

Carro da prefeitura de Luís Gomes conduzindo a prefeita Mariana Fernandes se envolve em acidente com vítima fatal

Homem morreu após colisão frontal entre caminhonete e carro de passeio na BR-304, no RN - Foto: CMB



Uma batida de frente entre uma caminhonete que levava a prefeita de Luís Gomes e um carro de passeio deixou uma pessoa morta na manhã desta segunda-feira (18). O caso aconteceu na BR-304, entre os municípios de Caiçara do Rio dos Ventos e Lajes, na região central do Rio Grande do Norte. O corpo da vítima ficou preso às ferragens.


De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente aconteceu no quilômetro 212 da rodovia. A vítima era um homem de 42 anos, natural de Assu, que conduzia o carro modelo Uno e seguia no sentido de Natal à região Oeste potiguar.

Já a caminhonete modelo L200, que pertence à Prefeitura de Luís Gomes, seguia no sentido contrário, indo para Natal. A prefeita do município, Mariana Mafaldo de Paiva Fernandes (MDB), uma secretária e o motorista da prefeitura seguiam no carro, segundo a PRF. Apenas o motorista da caminhonete teve escoriações leves.

Ainda segundo a PRF, testemunhas informaram que o motorista do Uno ia fazer uma ultrapassagem em local permitido, porém acabou batendo de frente na caminhonete que seguia no sentido contrário. O caso ainda será investigado.

G1 RN

Governo Ronaldo Souza anuncia novo evento inserido dentro das festividades em homenagem aos 56 anos de emancipação política de Água Nova



A Prefeitura Municipal de Água Nova, através da gestão empreendedora do prefeito Ronaldo Souza, já iniciou o planejamento para a realização das festividades em homenagem aos 56 anos de emancipação política do município.

O prefeito Ronaldo Souza anunciou recentemente as atrações municipais que se apresentarão em praça pública no dia 27/12, data da emancipação de Água Nova. Aline & Dayvid, Bonde do Brasil e Edyr Vaqueiro.

Já no dia anterior, 26 de dezembro, a prefeitura realizará um verdadeiro festival de violas em resgate a cultura da região com as presenças de violeiros consagrados em todo o nordeste do Brasil. Nomes como Geraldo Amâncio, Severino Feitosa, João Lourenço, Antônio Jocélio, André Vitorino, Luciano Fernandes, Zé Oliveira e Francisco Diassis se apresentarão em praça pública a partir das 20hs.



Nos registros oficiais consta que em 27 de dezembro de 1963, a lei estadual 3.041 desmembrou o distrito de Água Nova, elevando-o à categoria de município, instalado oficialmente quase um ano depois (4 de dezembro de 1964).

Emancipado de Riacho de Santana, o topônimo "Água Nova" tem a ver com um bebedouro, que possuía muita água e de boa qualidade, o que provocou o surgimento de uma comunidade formada por várias fazendas e pequenas propriedades.