sexta-feira, 3 de maio de 2019

Lei inclui município de Bom Jesus na Região Metropolitana de Natal

Município de Bom Jesus é incluído na Região Metropolitana de Natal - Foto: Wilson Alcaras



Uma lei promulgada pela Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (ALRN) incluiu o município de Bom Jesus, distante cerca de 46 quilômetros de Natal, na lista de cidades da Região Metropolitana da capital potiguar.

Com o ato, publicado na quarta-feira (1º) no Diário Oficial Eletrônico do Legislativo, a região metropolitana passou a contar com 15 municípios: Natal, Parnamirim, Macaíba, São Gonçalo do Amarante, Extremoz, Ceará-Mirim, São José de Mipibu, Nísia Floresta, Monte Alegre, Vera Cruz, Maxaranguape, Ielmo Marinho, Arês, Goianinha e Bom Jesus.

Bom Jesus foi emancipado de Senador Elói de Souza em maio de 1962. Em 2018, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) estimou que a população do município era de 10.152 habitantes.

Ainda de acordo com o IBGE, em 2016, o salário médio mensal era de 1,8 salários mínimos, na cidade. Entretanto, a proporção de pessoas ocupadas em relação à população total era de apenas 4,8%.

No mesmo período, 49.1% da população vivia em domicílios com rendimentos mensais de até meio salário mínimo por pessoa.

Região Metropolitana de Natal
A Região Metropolitana foi instituída pela Lei Complementar Estadual nº 152, de 16 de janeiro de 1997. À época, eram seis municípios: Natal, Parnamirim, São Gonçalo do Amarante, Ceará-Mirim, Macaíba e Extremoz.

Em 2002, foram incluídos São José de Mipibu e Nísia Floresta. Desde então, outros municípios vêm sendo incluídos. Em 2005, foi adicionado Monte Alegre; em 2009, Vera Cruz. Maxaranguape entrou na lista em 2013. Já em 2015, foi a vez de Ielmo Marinho, Arez e Goianinha.

O objetivo das regiões metropolitanas é promover uma integração regional em torno do desenvolvimento urbano, com políticas públicas definidas em conjunto.

G1 RN