quarta-feira, 24 de maio de 2017

Candidatos têm até hoje para pagar a taxa de inscrição do Enem



Hoje (24) é o último dia para que os participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) paguem a taxa de inscrição. Somente após o pagamento, a inscrição é confirmada. O pagamento pode ser feito em qualquer agência bancária, casa lotérica ou agência dos Correios. Os candidatos devem estar atentos aos horários estabelecidos pelas instituições onde farão o pagamento.
Devem pagar a taxa aqueles que não se enquadraram nos critérios de isenção e que, na hora da inscrição tiveram um Guia de Recolhimento da União (GRU) gerado. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) alerta que não confirmará inscrições cujo pagamento tenha sido feito por meio de GRU gerada fora do Sistema de Inscrição, assim como não aceitará inscrições em valores diferentes de R$ 82.
As instituições bancárias pedem um prazo de até três dias úteis para a confirmação das inscrições. O Inep recomenda que todos os inscritos confirmem a situação na Página do Participante. Dúvidas podem ser solucionadas pelo telefone 0800 616161 ou pelas redes sociais do Inep.
Pagamentos
O preço da inscrição no Enem aumentou este ano – no ano passado, a taxa foi de R$ 68. Pelas regras do edital, estão isentos os estudantes de escolas públicas que concluirão o ensino médio este ano, os participantes de baixa renda que integram o Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) e os que se enquadram na Lei 12.799/2013 que, entre outros critérios, isenta de pagamento pessoas com renda igual ou inferior a um salário mínimo e meio, ou seja, R$ 1.405,50.
Atualmente, os pagamentos cobrem cerca de 30% do custo do exame, o restante é pago pelo Inep. No ano passado, por exemplo, o custo, de R$ 91,49 por participante, foi R$ 23,49 acima do valor pago. A autarquia diz que, mesmo com a alta, a inscrição no Enem está abaixo da média dos vestibulares do país, que é R$ 140.

MPRN acusa o deputado Ricardo Motta de desviar R$ 19,3 milhões do Idema



O Ministério Público do Estado do Rio Grande do Norte, por meio de seu Procurador-Geral de Justiça, Rinaldo Reis Lima, ofereceu denúncia ao Tribunal de Justiça em desfavor do Deputado Ricardo Motta, acusando-o de, entre janeiro de 2013 a dezembro de 2014, ter desviado, em proveito próprio e de terceiros, R$ 19.321.726,13 (dezenove milhões, trezentos e vinte e um mil, setecentos e vinte e seis reais e treze centavos) em prejuízo do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente – IDEMA.
Conforme restou demonstrado por investigações realizadas pela Procuradoria-Geral de Justiça a partir de desdobramentos da operação Candeeiro, deflagrada pela Promotoria de Defesa do Patrimônio Público da capital em 2015, o denunciado era o chefe de organização criminosa integrada também por Gutson Johnson Giovany Reinaldo Bezerra, então Diretor Administrativo do IDEMA, Clebson José Bezerril, que chefiava a Unidade Instrumental de Finanças e Contabilidade (UIFC) da autarquia, João Eduardo de Oliveira Soares, Euclides Paulino de Macedo e Antonio Tavares Neto, a qual foi montada para desvio de recursos públicos em benefício tanto do parlamentar quanto dos demais componentes do grupo.
No curso do procedimento investigatório, a Procuradoria-Geral de Justiça realizou acordo de colaboração premiada com Gutson Reinaldo e Vilma de Sousa, os quais esclareceram todo o funcionamento do esquema de desvio de recursos do IDEMA e seu principal beneficiário, o denunciado Ricardo Motta, estando suas versões amplamente corroboradas nas evidências probatórias reunidas e que dão amparo à acusação formalizada ao Tribunal de Justiça potiguar.


Blog do JP

terça-feira, 23 de maio de 2017

Morre Nilton Silva de Oliveira ex-prefeito de Rafael Fernandes




Faleceu na manhã desta segunda (22), o ex-prefeito do município de Rafael Fernandes, Nilton Silva de Oliveira aos 87 anos. O mesmo foi encontrado sem vida logo no início da manhã, possivelmente Nilton sofreu um infarto enquanto dormia.

Nilton foi eleito em 15|11|1972 sendo o terceiro gestor do município, e tendo seu mandato entre 31|01|1973 à 31|01|1977.

Aos familiares os nossos sentimentos de pesar, a Prefeitura Municipal de Rafael Fernandes decretou luto oficial por três dias.

Da redação

Tentativa de homicídio por arma de fogo é registrada em Rafael Fernandes




Por volta das 15h00 do último sábado (20), um homem sofreu tentativa de homicídio com disparo(s) de arma de fogo na Av. Egídio Chagas em Rafael Fernandes.

De acordo com informações o atirador até o momento identificado apenas como “Cezarinho”, chegou em um carro e já desceu de posse de uma arma em punho, em seguida disparou contra a vítima, conhecida popularmente como “Gordo”,  atingindo-a  de raspão nas nádegas. A vítima conseguiu correr e pedir socorro. O atirador fugiu. A polícia foi acionada e socorreu à vítima para o Hospital Regional de Pau dos Ferros. 

Após receber atendimento médico a vítima saiu sozinha a pé e bastante nervosa falava em voz alta que não iria denunciar o seu algoz, pois não queria prejudicar ninguém. 

O policiamento local realizou diligências para tentar localizar o acusado, porém não obteve êxito.

O caso será apurado pela equipe da Polícia Civil  de Pau dos Ferros.


Da redação com Nosso Paraná

Veículo capota na BR-405 em Rafael Fernandes


Por volta das 14h00 do último sábado (20), um veiculo tipo Nissan Livina, placas OEX-8790-João Pessoa/PB, cor prata, trafegava na BR 405, altura do KM 161, nas proximidades do Posto Gangorra no município de Rafael Fernandes,quando o motorista perdeu o controle direção e colidiu com uma “palmeira” que fica às margens da pista e capotou. Felizmente Não houve nada grave, apenas escoriações e danos materiais.

O policiamento foi acionado, compareceu no local e adotou as medidas pertinentes.

Da redação com Nosso Paraná

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Corpos de cinco das seis vítimas da chacina de Serra do Mel têm velório coletivo na cidade de Major Sales

Velório coletivo aconteceu na Igreja Matriz de Nossa Senhora do Sagrado Coração
(Foto: Hugo Andrade/Inter TV Costa Branca)


Corpos de cinco das seis pessoas mortas na chacina ocorrida na noite da terça-feira (16) na zona rural de Serra do Mel, na região Oeste potiguar, foram velados na manhã desta quinta (18) na cidade de Major Sales. Após a cerimônia, os caixões foram levados em cortejo até o cemitério público do município.



Na chacina, foram mortos: Anderson Damião Lopes Firino, de 19 anos, natural de São Paulo (SP); a mulher dele, Eudileuza de Jesus Santos, de 19 anos, natural de Aurelino Leal (BA); José Orlando Silva, de 32 anos, natural de Severiano Melo (RN); Felipe Ferreira de Lima, de 19 anos, natural de Natal (RN); Diogo João de Lima Oliveira, de 18 anos, natural de Major Sales (RN); e Francisco Luigi da Silva, de 15 anos, também natural de Major Sales (RN).

O velório coletivo aconteceu na Igreja Matriz de Nossa Senhora do Sagrado Coração. Pelo menos 500 pessoas acompanharam a cerimônia. Apenas o corpo de Felipe Ferreira de Lima não estava presente. Ele foi levado para Natal, onde reside a família.

Já o corpo de Francisco Luigi, ao final do velório, foi levado para ser enterrado no distrito de Monte Alegre, na zona rural de Paraná, município que também fica na região Oeste.


Por Anderson Barbosa, G1 RN