segunda-feira, 30 de setembro de 2019

Suspeito de ordenar ataques no Ceará é transferido pra Mossoró



O Presídio Federal de Segurança Máxima de Mossoró, recebeu um homem suspeito de ordenar os ataque criminosos no Ceará, levando pânico à população e mobilizando as forças de segurança. Conhecido por Siciliano, Ednal Braz da Silva, de  45 anos, estava preso em Limoeiro/PE e é considerado um dos chefes de uma facção criminosa.
Ele teria ordenado a explosão das torres de transmissão de energia da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf), em Fortaleza e Maracanaú, em abril deste ano. A Justiça determinou a inclusão de Siciliano no Sistema Penitenciário Federal após pedido da Polícia Federal.
Ao retirá-lo da cela, a polícia encontrou um celular com o detento. Siciliano também é acusado de ordenar os recentes ataques que ocorreram no Ceará. Mais de 100 pessoas já foram presas por participação nas ações criminosas. 

No Ar