sexta-feira, 7 de março de 2014

Agricultor comete suicídio após agredir genitora na zona rural de Paraná/RN





Paulo Inácio da Silva, conhecido como Batoré de Alexandrina, 56 anos, teria cometido suicídio por enforcamento utilizando uma corda amarrada a uma árvore próxima à residência onde morava no Sítio Barro Vermelho, às 07h00min dessa quinta-feira(06). 

Segundo relatos dos familiares a Polícia,  na tarde do dia anterior, Batoré teria agredido sua genitora fisicamente, a qual chegou a ser levada para uma unidade de saúde, apos o fato, o mesmo saiu  de casa sendo encontrado pelo irmão, que  chegou a cortar, já estava sem vida, levando a crer que o fato possa ter sido  o motivo do suicídio.

PMs estiveram no local, bem como o Dr. Donny Êxodo, que responde pelo expediente da Delegacia de Policia local, que presidirá o competente Inquérito policial, sendo solicitado uma equipe do ITEP/RN. Na família aconteceram outros  casos  de enforcamentos.




fonte/imagem: Nosso Paraná